Harley-Davidson vai plantar 50 milhões de árvores em todo o mundo até 2025

O programa já reflorestou mais de 57 lm2.
Ciclo Vivo

"A Harley-Davidson, em parceria com a The Nature Conservancy, está mobilizando sua comunidade global de motociclistas para levantar fundos com o intuito de plantar 50 milhões de árvores em todo o mundo até 2025 como parte de sua iniciativa, chamada Renew the Ride™.

Com a ação, a empresa encoraja seus clientes e concessionárias a dedicar tempo e realizar doações em prol da ONG, cuja missão é conservar plantas, animais e comunidades naturais que representam a diversidade da vida na Terra, protegendo espaços que necessitam para sobreviver. Como parte dessa iniciativa, a Fundação Harley-Davidson se comprometeu a contribuir com uma série de subsídios anuais, totalizando US$ 550 mil em apoio ao programa que prevê o plantio de um bilhão de árvores em todo o mundo.

“Estamos empenhados em preservar o caminho aberto para as gerações futuras de pilotos. Nossa parceria com a The Nature Conservancy nos dá uma oportunidade de mobilizar a nossa comunidade global para ajudar a cumprir com esta missão”, informou Mark-Hans Richer, vice-presidente de Marketing da Harley-Davidson Motor Company.

O programa de plantar um bilhão de árvores é uma iniciativa que já reflorestou mais de 57 km2 de área e plantou e restaurou mais de 14 milhões de árvores na Mata Atlântica, localizada na região costeira do Brasil, desde 2008. O objetivo é restaurar as florestas mais críticas do mundo, com especial atenção à Mata Atlântica, as províncias de Yunnan e Sichuan, na China, além de áreas nos Estados Unidos.

“Nosso País possui belas paisagens que são um convite para um passeio de moto, por isso, estamos muito entusiasmados por contar com este programa global da Harley-Davidson aqui no Brasil. Estamos planejando ações com as nossas concessionárias e clientes para o futuro próximo e fazer desta ação mais um sucesso,” afirma Flávio Villaça, gerente de Marketing, Produto e Relações Públicas da Harley-Davidson do Brasil."

Nenhum comentário: