10 números alarmantes sobre a falta de água em São Paulo

Nove em cada dez paulistanos acham que a população ainda será muito prejudicada. Foto: Demétrius Daffara
Redação, EcoD

Mais da metade dos paulistanos disseram ter enfrentado falta de água pelo menos uma vez nos últimos 30 dias. Para três em cada dez, o problema durou mais do que cinco dias, segundo uma nova pesquisa do instituto Datafolha.
Diante de um quadro que não dá sinais de melhora, 34% dos paulistanos já estocam água em casa. E o restante da população pretender fazer o mesmo daqui para frente.

Para a maioria das pessoas, o governo paulista não passa informações suficientes e claras sobre o problema da falta de água, o que só aumenta o clima de insegurança e pessimismo. Nove em cada dez acham que a população ainda será muito prejudicada.


Realizada em outubro, a pesquisa Datafolha entrevistou 804 pessoas e tem margem de erro de quatro pontos percentuais. Confira alguns dos principais resultados do levantamento:
  • 60% dos paulistanos disseram ter ficado sem água pelo menos 1 dia nos últimos 30 dias;
  •  
  • 38% dos moradores sofreram com a escassez ao menos 5 dias no mesmo período;
  •  
  • 74% dos que ficaram sem água disseram que o problema durou mais de 6 horas;
  •  
  • 65% dos paulistanos com renda familiar inferior a cinco salários mínimos disseram ter sofrido com a falta de água;
  •  
  • Mais só 32% dos que têm renda familiar superior a dez salários mínimos relataram o problema;
  •  
  • Para 75% dos paulistanos, os problemas de abastecimento de água poderiam ter sido evitados;
  •  
  • 77% afirmam que o governo não está fornecendo todas as informações disponíveis sobre a água;
  •  
  • 88% acreditam que São Paulo corre grande risco de ficar um bom tempo sem água nos próximos meses;
  •  
  • 34% dos paulistanos já estocam água em casa e 66% pretendem fazer isso daqui pra frente;
  •  
  • 91% acham que a população ainda será muito prejudicada."

Nenhum comentário: