Festival traz o melhor e o 'novo' da arquitetura global

Projetos de mais de 50 países foram enviados para a edição de 2014 do Festival Mundial de Arquitetura, um dos mais importantes prêmios de arquitetura do mundo. Entre as categorias do concurso estão projetos de paisagismo,prédios competos, entre outros. A Ala Akiha, no Centro Cultural de Niigata, Japão, foi um dos projetos inscritos na categoria cultural pelo escritório Chiaki Arai de Design Urbano e Arquitetura. / Da BBC
Os vencedores serão avaliados durante um festival de três dias em Cingapura, em outubro. A Stamp House, uma residência na Austrália, é um dos projetos concorrentes, criado pelo escritório Charles Wright Architects.
Liderando o júri deste ano está o arquiteto britânico Richard Rogers e outros grandes nomes da área como Rocco Yim, de Hong Kong, Julie Eizenberg (EUA), Enric Ruiz Geli (Espanha) e Peter Rich (África do Sul). O Complexo da Marina de Yalikavak, em Bodrum, na Turquia, foi o projeto apresentado pelo escritório EAA-Emre Arolat Achitects na categoria shopping.
Este projeto de restauração para o templo budista tailandês Wat Ananda Metyarama, em Cingapura, foi apresentado pelo escritório Czarl Architects como um projeto futuro na categoria cultura.
O Dongdaemun Design Plaza, em Seul, Coreia do Sul, foi criado pelo escritório da arquiteta Zaha Hadid.
O prédio da administração da Universidade Xi'an Jiaotong-Liverpool em Suzhou, China, é outro concorrente e foi apresentado pelo escritório Aedas.
O espaço cultural Spotlight Youth, em Londres, 'oferece de graça instalações sofisticadas de (produção em) som, filme, design, arte e radiodifusão'. O projeto é do Astudio.
A companhia de arquitetura vietnamita a21 studio transformou madeira de demolição em uma cafeteria em Nha Trang, Vietnã.
Outro projeto concorrente do escritório Aedas é o Bravo Group Pazhou, em Guanzhou, China, na categoria escritórios.
Uma casa com vistas panorâmicas, a Narigua House em El Jonuco, no México, projeto criado pelo escritório P+O Architecture.
O duque e a duquesa de Cambridge inauguraram o novo centro de visitantes do Jardim Botânico de Christchurch, durante uma viagem à Nova Zelândia. O projeto é do escritório Patterson Associates Ltd.
A Aula Medica, na Universidade de Medicina do Instituto Karolinska, em Solna, na Suécia, foi criada pelo escrtório Arkitektkonter AB.
A Galeria Garangula, na Austrália, criada por Fender Katsalidis Mirams Architects, abriga uma grande coleção particular de arte aborígene.
O novo Museu Marítimo da Dinamarca, em Helsingor, foi criado pelo Bjarke Ingles Group e inaugurado em outubro de 2013. O projeto foi inscrito na categoria cultura.
Este prédio de apartamentos em Abadan, Irã, foi criado pelo escritório Farshad Mehdizadeh Architects.
Flanagan Lawrence criou estas conchas acústicas em Littlehampton, Inglaterra.
A Torre de Inovação do Jockey Club, sede da Escola de Design da Universidade Politécnica de Hong Kong é outro projeto concorrente do escritório de Zaha Hadid.
O projeto de 189 milhões de libras (cerca de R$ 716 milhões) para a Biblioteca de Birmingham, na Inglaterra, foi criado pelo escritório Mecanoo. A biblioteca foi inaugurada em setembro de 2013 por Malala Yousafzai, a adolescente baleada no Paquistão por membros do Talebã por defender o direito à educação para mulheres do país.

Nenhum comentário: