Empresa lança plataforma para auxiliar estudantes que vão prestar Enem


Jornal GGN

" Uma empresa especializada no desenvolvimento de aplicativos e jogos focados na aprendizagem adaptativa lançou esta semana uma ferramenta lúdica que pode ajudar os estudantes de todo o Brasil que estão se preparando para prestar o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). O Geekie Games é gratuito e oferece uma plataforma de aprendizado credenciada pelo Ministério da Educação (MEC).

“Nós temos como missão colaborar para a transformação da educação no Brasil e no mundo, oferecendo aprendizado personalizado para todos. Por isso, criamos esta iniciativa”, ressalta o cofundador da Geekie, Claudio Sassaki. A empresa já firmou parceria com 19 Secretarias Estaduais de Educação. A ideia é chegar a 3,7 milhões de estudantes cadastrados e, segundo a empresa, manter os alunos motivados a estudar.

Dados apresentados pela própria empresa mostram que, no ano passado, os alunos tiveram melhores desempenhos no exame após utilizar a plataforma. A melhoria no desempenho foi de pelo menos 30%, ainda segundo a Geekie. Ano passado, foram estabelecidas parcerias com 11 Secretarias Estaduais de Educação, com a plataforma sendo disponibilizada durante 60 dias para todo o país e registrando cadastro de dois milhões de estudantes, sendo que 600 mil utilizaram o sistema ativamente.

O sistema permite que o aluno possa fazer uma avaliação diagnóstica da sua situação, e recebe um plano de estudos personalizado baseado em seu próprio perfil. As aulas são disponibilizadas na própria plataforma, de modo que o aluno pode completar seu plano de estudos. À medida em que o estuante avança, o programa se ajusta às suas necessidades. É possível ainda realizar simulados que usam a mesma metodologia do Enem.

O Geekie Games começa este ano nos seguintes Estados: Acre, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, Sergipe e Tocantins. Para ter acesso ao sistema, não há necessidade de estar matriculado na rede de ensino. Basta acessar o site da plataforma e se cadastrar."

Nenhum comentário: