Faça minions reutilizando rolos de papel higiênico

Os pequenos seres amarelos que alegram as crianças, também podem também servir para decorar a casa.
Redação, CicloVivo

"A técnica criada pelo blog MollyMoo para fazer os bonecos da saga “Meu Malvado Favorito” é bem simples. Apenas reutilizando materiais, é possível criar  os “minions” que alegram as crianças e podem também servir para decorar o ambiente.

Com o lançamento do filme “Meu Malvado Favorito 2”, os minions (as pequenas criaturas amarelas que trabalham para o vilão) ganharam ainda mais notoriedade. Além de conquistar crianças e adultos, os seres ganharam as redes sociais e são adorados até pelas pessoas que ainda não assistiram ao longa. Veja abaixo como fazer seu próprio boneco:

Materiais necessários:

- Rolo de papel higiênico

- Jornal

- Papelão

- Cola

- Lã

- Tinta (preta, vermelha e azul)

Como fazer:

O primeiro passo é colocar jornal dentro do rolo. Faça algumas bolas de jornal para inserir no rolo e deixe que uma delas se sobressaia pra fora – formando a cabeça do minion.

O segundo passo é fixar o topo da cabeça do boneco, cobrindo o material com fitas adesivas. Em seguida, enrole um pedaço de jornal velho em todo o rolo. Esta será a base do brinquedo.

Imagem: Mollymoo
Para dar forma ao minion, é necessário decorá-lo. Primeiro, pinte toda a base de amarelo. Depois de seco, pinte de preto uma linha grossa na horizontal do boneco, que será como uma espécie de bandana. Com a mesma tinta, desenhe a boca. Cole o olho, que poderá ser comprado em qualquer loja de artesanato e, em volta dele, cole círculos de papelão.

Com pedaços de lã, faça o cabelo do boneco usando cola quente. Depois, crie a roupa do boneco, pintando no formato desejado. No filme, ele utiliza macacão azul, mas a criação é livre. Faça minions com vestidos, camisetas ou outras peças: use a imaginação para criar bonecos exclusivos.

Para fazer os braços, use jornal enrolado pintado de amarelo e preto, como mostra a imagem, e cole com cola quente.

Veja todo o passo a passo no blog Mollymoo."

Nenhum comentário: