Pessoas com deficiência mandam recado para Rafinha Bastos em vídeo

Pessoas com deficiência mandam recado para Rafinha Bastos em vídeo (Reprodução)
Leonardo Araujo, adNEWS

"Em janeiro de 2012, a Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) iniciou uma ação judicial contra Rafinha Bastos. O motivo: o humorista teria ofendido pessoas com deficiência. Agora, em janeiro de 2014, o apresentador ganhou a causa em primeira instância. Este foi o entendimento do juiz Tom Alexandre Brandão, da 2ª Vara Cível de São Paulo. A decisão, é claro, não agradou a todos e a campanha #falapramimrafinhabastos foi lançada.

O publicitário Alexandre Peralta é um dos criativos por trás da concepção do filme. Em seu Facebook, ele quesitona a decisão da justiça. "Já que esse resultado sinaliza que ele pode continuar falando o que quiser, chamando deficientes de retardados, por que ele não fala direto para eles?", pergunta.

"Esse é um movimento meu, em pessoa física, com outros pais e colegas. A Apae não tem nenhum envolvimento com esse filme", ressalta ao Adnews.

O filme da campanha, postado hoje (25) no Youtube, mostra exatamente isso:
pessoas com deficiência pedindo que Rafinha Bastos os chame de retardados. Ele foi feito com vários pequenos vídeos e a ideia, segundo a descrição, é fazê-lo cada vez maior, à medida que mais gravações forem enviadas.

Segundo o site Consultor Jurídico, a Apae pediu que o humorista deixasse de fazer duas brincadeiras que constam do DVD “A Arte do Insulto”. A primeira, que cita expressamente a Associação, é a seguinte: “Um tempo atrás eu usei um preservativo com efeito retardante ... Efeito retardante... Retardou... Retardou... Retardou... Tive que internar meu pinto na Apae... Tá completamente retardado hoje em dia”.

A segunda, que atinge os direitos tutelados pela Constituição, de acordo com a petição da Apae, envolve o posicionamento do humorista em relação à fila preferencial. “As pessoas na cadeira de rodas... Ah, fila preferencial! Haha adivinha amigo, você é o único que tá sentado. Espera quieto! Cala essa boca!”.

Vale lembrar que a Band confirmou a data de estreia do programa "Agora é Tarde", com Rafinha Bastos como apresentador, para o dia 5 de março, à meia-noite.

O Adnews está em contato com Rafinha para saber a opinião dele sobre o vídeo.

Confira:


4 comentários:

Anônimo disse...

Piada é piada.
Isso que acontece são pessoas que não conseguem curar o sentimento que possuem em relação as suas limitações e por isso se sentem atacadas.

Anônimo disse...

verdade piada é piada até te atingir ai muda a opinião . chamar esse shit de humorista é ofender os verdadeiros humoristas . como o falecido Costinha , ari toledo , chico anisio entre outros grandes comediantes do brasil ..

Anônimo disse...

A verdade é que todos os brasileiros são burros, inclusive eu....

As pessoas não conseguem interpretar uma piada e tomam como ofensa.

Se fosse hoje o Mussum responderia um processo por semana.

A gente precisa aprender a rir da nossa própria desgraça.

Vocês só estão aumentando a audiencia do cara, e é isso que ele quer.

Anônimo disse...

de verdade acho isso de fala pra mim... uma grande besteira... a piada se refere a uma condição e não a nada pessoal...
é como falar de como quando vc esqueceu a chave no trabalho existem um bilhão de pessoas que já passaram por isso... e nem por isso ninguém sai por ai levando pro lado super pessoal dessa forma... sabe piada é piada... e sério tanto faz a piada... o que conta de verdade é oque a pessoa sabe fazer ou deixa de fazer... a condição de ofendido é você mesmo que faz...