Facebook e Google Plus investem em rotinas de inteligência artificial


Jornal, GGN

‘O Facebook e o Google Plus, duas das maiores redes sociais do mundo, estão fechando parcerias com instituições de pesquisa para incentivar estudos de IA (Inteligência Artificial) e formas de criar rotinas inteligentes em suas redes. A informação foi divulgada por Yann LeCun, professor de informática e ciências neurais da Universidade de Nova York, nos EUA (Estados Unidos).

O divulgação feita por LeCun também inclui informações a respeito da parceria firmada entre o Facebook e o Centro da NYU para a Ciência, destinada à realização de pesquisas em ciência de dados, aprendizado de máquina e inteligência artificial. Ele acrescentou que Mark Zuckerberg, criador do Facebook, vai anunciar o novo laboratório em uma conferência ainda nesta semana.

Atualmente, o Facebook possui sua própria equipe de pesquisas em IA, com oito membros. A rede social ainda não anunciou o laboratório, mas confirmou as informações veiculadas por Yann LeCun. “O objetivo aqui é usar novas abordagens em IA para ajudar a dar sentido a todo o conteúdo que as pessoas compartilham, para que possamos gerar novos 'insights' sobre o mundo para responder às perguntas das pessoas”, afirmou Zuckerberg, em em comunicado de outubro sobre novas rotinas do Facebook. “Com o tempo, acho que vai ser possível construir serviços que são muito mais naturais de interagir e poder ajudar a resolver muitos mais problemas do que qualquer outra tecnologia existente hoje”.

Com milhões de usuários compartilhando ativamente informações pessoais no Facebook, é fácil supor o papel que uma máquina de aprendizagem poderia desempenhar ao decifrar e compreender esses dados. O Facebook, rotineiramente, fala em colocar o conteúdo certo, incluindo o anúncios, diante dos usuários. A inteligência artificial poderia ajudar a empresa a alcançar melhores resultados para os anúncios direcionados e implementar melhorias feed de notícias.

Yann LeCun, o pesquisador responsável pela divulgação da informação, afirma ainda que o novo grupo de pesquisas do Facebook terá equipes em vários escritórios, incluindo Nova York, Londres e Menlo Park, na Califórnia. A rede Google Plus, da gigante de buscas na web, ainda não se manifestou sobre a questão.”

Com informações do Mashable.com

Nenhum comentário: