Luz que nunca apaga


LONGA VIDA
Muito lixo deixará de ser produzido, caso a lâmpada
criada por Benito Muros se popularize

Engenheiro espanhol cria lâmpada que dura até 100 anos, lidera movimento mundial contra a vida curta dos aparelhos eletrônicos e é ameaçado de morte

Ana Carolina Nunes, ISTOÉ

O silêncio do engenheiro espanhol Benito Muros é caro. Já ofereceram 30 milhões de euros (R$ 87 milhões) e ele não aceitou. Os compradores não desistiram e deixaram uma ameaça de morte na secretária eletrônica de Muros. Ele conta ainda que sofreu um golpe, quando ladrões de patentes se apresentaram como investidores. “Todos os episódios estão em investigação policial. No inquérito, estão envolvidos um jogador de futebol da primeira divisão espanhola, um vereador do Partido Popular e um empresário”, diz o engenheiro. Todo esse alvoroço foi provocado por uma lâmpada.

Muros é criador e produtor da lâmpada OEP Electrics. Por fora, parece com as concorrentes, mas no seu interior possui um sistema com garantia de 25 anos, ou 219 mil horas de funcionamento contínuo. É um golpe com poder fatal para a indústria. O invento do espanhol quebraria um pacto velado entre os fabricantes de lâmpadas. Pelo acordo, esses produtos não podem ultrapassar as mil horas de vida, para o bem da economia (das empresas) e o desespero dos ambientalistas. Contra esse estado de coisas, Muros lançou o movimento SOP (Sem Obsolescência Programada), o que aumentou a fúria de seus concorrentes.”
Matéria Completa, ::AQUI::

Nenhum comentário: