Rio de Janeiro avança em duas rodas

Bicicletas no Rio de Janeiro. Foto: Cortesia ITDP

Fabiana Frayssinet, IPS / Envolverde

“Os ciclistas que circulam pelos caminhos traçados para esta finalidade na orla marítima do Rio de Janeiro superam os motoristas, presos em longos engarrafamentos. Uma solução simples, não contaminante e barata que agora as autoridades cariocas estimulam como uma das saídas para o crescente trânsito urbano. A cena, cada vez mais comum no Rio por causa do crescimento econômico, o crédito fácil e a venda estimulada de carros, revelou novos problemas.

“Vendi meu carro porque tinha problemas para estacionar, os estacionamentos são caros, não aguentava mais o trânsito, estressei”, conta à IPS a professora de educação física Teresa Moreira, que agora vai de bicicleta para o trabalho. “Quando dirigia, ficava estressada e era mal-educada. Agora, com a bicicleta, não”, comemora a ciclista que diariamente viaja pela avenida costeira, entre os bairros de Leme e Leblon, na zona sul da cidade.

Os nós de trânsito acontecem em qualquer parte da cidade e sem hora estabelecida. Pioram com cada fato imprevisto: um acidente, a visita de um presidente ou de um astro de rock, um grande evento internacional ou apenas um dia de compras para o Natal.”
Matéria Completa, ::AQUI::

Nenhum comentário: