Água de coco pode substituir isotônicos




“Com evidências científicas, a água de coco começa a ganhar cada vez mais força como bebida ideal para tomar depois de uma atividade física. Na última semana, durante o encontro da Sociedade Química Americana, a cientista Chhandashri Bhattacharya, da Universidade do Sudeste de Indiana, nos Estados Unidos, revelou um estudo, de sua autoria, onde ela comparou a água de coco com as principais marcas de bebidas isotônicas e concluiu que elas têm características parecidas, capazes de repor rapidamente os sais minerais perdidos pelo suor.

O SRZD entrou em contato com a nutricionista esportiva Erika Reiner para saber se essa substituição, dos isotônicos pela água de coco, já pode ser feita. "A terminologia de "isotônico" já não é mais usada. Agora se fala em repositor hidroeletrolitico (Bebidas que visam repor água e eletrólitos). Para repor a quantidade ideal de eletrólitos, é preciso saber quanto em eletrólitos cada pessoa perde ao praticar uma atividade física. Como esse dado varia de pessoa em pessoa, é impossível fazer um repositor ideal para os praticantes de atividades físicas", explicou.

Com as dúvidas esclarecidas, a nutricionista mostrou as qualidades do líquido natural e os cuidados que devem ser tomados com o tal. "A partir das qualidades da água de coco, podemos considerá-la sim um ótimo repositor hidroeletrolitico. A água de coco contem TCM, que é uma gordura bastante utilizada durante o exercício e precisa ser reposta. Só é preciso tomar cuidado ao adquirir o líquido. A água de coco existe em duas apresentações: a mais acessível, em caixinhas, que têm sua composição padronizada e contém conservantes como o Metabissufito (que pode ser cancerígeno) e a natural (no coco), que é perecível e não tem composição padronizada, podendo variar de coco para coco", concluiu a nutricionista esportiva Erika Reiner. Divergências a parte, o fato é que precisamos sempre hidratar o corpo após a prática de uma atividade física.”

Nenhum comentário: