6 dicas para ajudar cães e gatos

Crie o hábito de fazer doações e incentive outras pessoas a fazerem o mesmo

“Muitos animais são abandonados diariamente e apesar de terem a compaixão de outras tantas pessoas, adotar um cão ou gato não é uma tarefa fácil. Assim como um filho, é preciso se planejar e ter condições mínimas para criá-lo. Eles também precisam ser vacinados e alguns necessitam de cuidados especiais. Enfim, além de todo o carinho é preciso arcar com as consequências de uma adoção.

Pensando nisso, a revista Vida Simples dá dez dicas de como ajudá-los e o CicloVivo separou seis delas para pôr em prática, mesmo que à distância:

- Doe ração, acessórios e remédios veterinários

As ONG’s sempre precisam destes itens para alimentar e cuidar dos bichinhos. Como nem sempre a ajuda é suficiente, criar o hábito de fazer doações destes produtos e incentivar outras pessoas a fazerem o mesmo é uma ótima forma de ajudar.

Acessórios, comocoleiras (mesmo que usadas), roupinhas e cobertores também ajudam muito. Remédios só são aceitos se, logicamente, estiverem dentro do prazo de validade.

- Ajude com dinheiro

Para quem não tem nada em casa para doar, nem tem ideia do que a instituição precisa, uma opção é reservar uma quantia de dinheiro, mesmo que pequena, para um depósito bancário a uma ONG’s de confiança. Elas certamente farão bom uso do dinheiro, mas se tiver dúvidas acompanhe o trabalho da instituição.”
Foto: Ruub/SXC
Artigo Completo, ::AQUI::

Nenhum comentário: