Oceano Ártico pode ser fonte de metano, diz estudo


Jéssica Lipinski, Instituto CarbonoBrasil/Agências Internacionais

“Desde os anos 1970 os cientistas sabem que o metano, gás do efeito estufa (GEE) que absorve 20 vezes mais calor do que o CO2, é uma substância comum nas geleiras do Ártico e em suas águas, que por serem muito frias acabam armazenando o gás em sua superfície.

Mas uma nova pesquisa, publicada no último domingo (22) na revista Nature Geoscience, revelou que muito desse metano está sendo emitido na atmosfera,  o que poderia contribuir drasticamente para o aquecimento global.

O estudo foi desenvolvido através da análise de taxas de metano no ar entre 2009 e 2010, como parte de um projeto para mapear os níveis de gases de efeito estufa na atmosfera.”
Matéria Completa, ::Aqui::

Nenhum comentário: