África está sobre 'mar' de reservas aquíferas subterrâneas


Chris Wickham, Reuters / Carbono Brasil

“Enormes reservas de água subterrânea em algumas das partes mais secas da África poderiam fornecer uma proteção contra os efeitos das mudanças climáticas nos próximos anos, cientistas disseram na sexta-feira.

Pesquisadores da British Geological Survey e da Universidade de Londres mapearam pela primeira vez os aquíferos do continente e a quantidade que eles detêm.

“Os maiores volumes de água subterrânea são achados em grandes aquíferos sedimentados nos países do norte da África como a Líbia, a Argélia, o Egito e o Sudão”, disseram os cientistas em seu trabalho.
Eles estimam que as reservas de água subterrânea no continente sejam 100 vezes maiores do que a quantidade descoberta em sua superfície, ou 0,66 milhões de quilômetros cúbicos.

Escrevendo no periódico Environmental Research Letters, eles alertaram, no entanto, que nem todas essas reservas podem ser acessadas.

Onde é possível, a extração em pequena escala usando bombas manuais seria melhor do que projetos de perfuração de larga escala, que poderiam esgotar rapidamente os reservatórios e ter outras consequências imprevistas.

A água subterrânea não é uma panaceia para a escassez de água na África, mas poderia formar uma parte importante de uma estratégia para lidar com o grande aumento estimado na demanda por água à medida que a população do continente cresce.

Mesmo agora, algumas estimativas colocam o número de africanos sem acesso à água potável em mais de 300 milhões e apenas 5% da terra arável é irrigada.”
Traduzido por Jéssica Lipinski
Matéria Completa, ::Aqui::

Nenhum comentário: