Ásia precisa de US$ 40 bi ao ano para enfrentar mudanças climáticas


Jéssica Lipinski, Instituto CarbonoBrasil/Agências Internacionais

“Nesta segunda-feira (12), o Banco Asiático de Desenvolvimento (BAD) declarou que a Ásia precisa de cerca de US$ 40 bilhões por ano até 2050 para combater as conseqüências das mudanças climáticas.

Falando do Fórum de Adaptação às Mudanças Climáticas da Ásia-Pacífico em Bancoc, Bindu Lohani, vice-presidente de gestão do conhecimento e desenvolvimento sustentável do banco, afirmou, no entanto, que apenas US$ 4,4 bilhões estavam disponíveis para atividades de adaptação no mundo todo.

O vice-presidente do BAD observou também que, caso não haja ações para enfrentar as mudanças climáticas, os impactos do fenômeno, assim como os custos para combatê-los, poderão ser ainda maiores do que os previstos.

“Vai haver mais desastres naturais e eles complicarão o desafio de atingir o desenvolvimento sustentável na Ásia. À medida que as economias das regiões se tornam cada vez mais ligadas através de cadeias de suprimento comerciais, os impactos de tais desastres não estão mais confinados ao lugar de ocorrência, mas têm impactos regionais.”
Matéria Completa, ::Aqui::

Nenhum comentário: