Nasa propõe 14 medidas para reduzir o aquecimento global


Ciclo Vivo

“A Nasa (Agência Espacial Norte-Americana) desenvolveu um estudo que propõe maneiras de reduzir o aquecimento global. O trabalho indica 14 medidas que o planeta deve adotar para amenizar as intensas mudanças climáticas.

De acordo com o estudo, uma ação que conseguisse combater a emissão do gás metano e a poluição por fuligem acarretaria na redução do aquecimento global de 2,2ºC para 1,7ºC em 2050. Além disso, poderiam ser evitadas mortes por doenças respiratórias e o cenário aumentaria a produtividade agrícola.

O estudo da Nasa foi publicado na revista "Science". Segundo os cientistas, compensa investir nas medidas propostas, pois os custos poderiam ser maiores em saúde pública e agricultura. Entre as propostas estão incluídas a substituição de fornos a carvão e controle do vazamento de metano em poços de petróleo.

Os estudiosos acreditam que o combate ao gás metano ajudaria os produtores rurais, pois estimula o surgimento de ozônio em baixas altitudes, o que prejudica a respiração das plantas. "As colheitas seriam o fator do qual países como o Brasil mais se beneficiariam", disse o líder do trabalho, Drew Shindell, da Nasa, à Folha de S Paulo.

"Em países como China e Índia, o principal benefício seria na saúde pública, porque o problema de poluição por fuligem é muito maior lá", completa.

Segundo os cálculos dos estudiosos, a produção mundial de alimentos poderia aumentar de 30 milhões a 130 milhões de toneladas, caso o ozônio derivado da poluição fosse reduzido indiretamente devido o combate ao metano.”
Matéria Completa, ::Aqui::

3 comentários:

Anônimo disse...

os EUA não aceitaram o tratado que já tem... antes de olhar pro quintal do vizinho, nasa que cuide do proprio quintal

kruguer666 disse...

Penso o mesmo dou a cara a tapa que esles etipulariam algum tipo de mudança ou regra para si própios já que eles mesmo não respeitam tratado nem um nem de poluição, nem de comércio nem de paz....

Anônimo disse...

http://www.youtube.com/watch?v=oJTNJBZxX6E