Educação ambiental na pauta da indústria


Projeto Fábrica Verde percorre o País com o objetivo de discutir a união da sustentabilidade e da responsabilidade socioambiental com os resultados buscados pela indústria. Atualmente, a iniciativa está ancorada em Santa Catarina

Brasil 247

Numa economia onde o consumidor está cada vez mais bem informado e bem exigente, aspectos como qualidade do produto, design e garantia, se uniram a questões mais complexas como sustentabilidade e responsabilidade socioambiental. Atenta a esta tendência, a indústria tem buscado cada vez mais se envolver em projetos que estejam ligados à preservação do meio ambiente, educação e qualidade de vida. É esse o alicerce sobre o qual foi erguido o Fábrica Verde, cuja proposta é conscientizar a população sobre a preservação da fauna e da flora. O projeto, patrocinado pelo Sesi, está percorrendo vários estados do Brasil e, neste momento, encontra-se ancorado em Santa Catarina, onde 25 mil crianças já receberam o kit do projeto. Até o final do ano letivo, 100 mil cartilhas terão sido distribuídas aos pequenos, além de mil DVDs entregues nas escolas.

“Nossa ideia foi chamar a atenção da população para animais e plantas que se encontram em risco de extinção”, sintetiza Lina Rosa Vieira, publicitária e criadora do projeto. Com a supervisão de especialistas, ela conta que coordenou uma vasta pesquisa sobre a questão e selecionou espécies da fauna e da flora sob ameaça de extinção, agrupando-os por regiões do país. Hoje, há cerca de 395 animais que podem desaparecer no Brasil, e outras de dezenas de plantas na mesma situação. “A partir deste conteúdo de trabalho, criamos uma cartilha e 12 pequenos filmes”, detalha.

O desafio da equipe foi conceber um material visualmente atraente pra cativar as crianças, numa linguagem acessível não apenas para os pequenos mas para seus familiares, uma vez que as crianças são excelentes agentes multiplicadores. O mesmo cuidado foi levado para o audiovisual.”
Matéria Completa, ::Aqui::

Nenhum comentário: